Allan não comparece a inquérito sigiloso: “Resta-me defender e testemunhar a existência das leis”



O jornalista Allan dos Santos do Terça Livre foi intimado a comparecer no Supremo Tribunal Federal (STF) nesta terça-feira (28) para ser interrogado em um “inquérito sigiloso”, mas não compareceu.

Seus advogados peticionaram no sentido de ser necessário o adiamento do depoimento até que fosse concedido o acesso ao conteúdo dos autos da investigação. O STF foi adiou para 5 de fevereiro, mas já adiantou que não concederá vista aos autos.

Allan não sabia se estava arrolado como investigado ou testemunha e seus advogados tiveram acesso negado aos autos do inquérito. “No dia de Santo Tomás de Aquino, resta-me defender e testemunhar a existência das leis”.

Colunistas

Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...