As graves consequências do Sínodo da Amazônia



Amazônia é nossa, graças a Deus

Por:  Paulo Henrique Chaves – Agência Boa Imprensa

Ao nos aproximarmos do início do Sínodo convocado pelo Papa Francisco sob o melodioso e um tanto enigmático nome Amazônia: novos caminhos para a Igreja e para uma ecologia integral, as notícias seguem num crescendo, sobretudo em revistas e sites especializados.

A histórica e combativa revista Catolicismo [capa ao lado], que já se ocupava do assunto em suas edições anteriores, dedicou-lhe toda a sua edição de setembro, apontando as graves consequências que esse propalado Sínodo poderá trazer para a Igreja e para os países circunscritos na Amazônia, de modo especial para o Brasil, que detém a maior parte da região, aliás, cobiçada internacionalmente desde o século XIX em razão de suas riquezas.

Por ser frequente a difusão por movimentos de esquerda de notícias falsas e fantasiosas sobre a situação dos índios da Amazônia, Catolicismo pediu ao meu colega Nelson Ramos Barretto e a mim, colaboradores habituais da revista, que nos embrenhássemos por aquela vasta região, a fim de preparar uma reportagem minuciosa a respeito de nossos irmãos silvícolas.

Foi o que fizemos em três grandes incursões durante os meses de maio, junho e julho do corrente ano, quando percorremos mais de 10 mil quilômetros nos estados de Mato Grosso, Amazonas, Pará e Acre, entrevistando indígenas e suas lideranças. Tais entrevistas — todas elas gravadas — foram estampadas nessa edição especial de Catolicismo, e enriquecidas com um artigo de fundo do Dr. Adolpho Lindenberg.

Por exemplo, no Mato Grosso, entrevistamos os índios Parecis, que habitam o noroeste desse próspero estado e são totalmente contrários à estagnação selvagem pregada pelos novos missionários e ecologistas radicais. Afinal, querem progredir, sem perder ou abandonar a sua cultura; querem se inserir na sociedade brasileira. Sobre isso, colhemos provas reais de surpreendente progresso, pois hoje muitos deles possuem curso superior e, ademais, cultivam aproximadamente 19 mil hectares de soja, milho e feijão. Suas casas, como também algumas ocas, possuem luz elétrica, geladeira, freezer, TV, internet, celulares…

Oportunamente, pretendo levar ao conhecimento dos leitores muitos dos depoimentos colhidos nessa rica experiência de contato direto com os nossos índios, muitos dos quais preferem ser chamados de brasileiros indígenas. Enquanto católico e brasileiro, pretendo dar ocasião para que muitos conterrâneos aumentem seus conhecimentos sobre o nosso imenso e, ao mesmo tempo, muito variado, mas inteiramente um só Brasil.

Com efeito, os novos missionários, ditos progressistas, irmãos siameses dos esquerdistas de todos os naipes, vêm pregando uma nova teologia índia, defendendo uma estranha doutrina ecológica primitivista, e se opondo a qualquer desenvolvimento espiritual e material de nossos silvícolas. Eles dizem ter feito opção pelos pobres, mas na verdade o que fizeram foi uma opção preferencial pela pobreza.

Não são vistos retirando os nossos índios da miséria, mas agindo sem cessar, como tem feito o octogenário Dom Cláudio Hummes [no centro da foto], para mantê-los engessados na comunidade tribal, ou seja, no estado pré-histórico. Recentemente, a mídia difundiu a delirante ideia de uma invasão do Brasil, com o objetivo de tomar a Amazônia para “salvá-la”! Para nós, brasileiros, uma alucinação de proporção amazônica.

Ante tais pretensões, a imensa maioria de nosso povo diz um rotundo e definitivo NÃO à internacionalização da Amazônia! Ela é brasileira! Ela é nossa, graças a Deus!

Link original da matéria

Sobre o Colunista

Redação TL

Redação TL

16 Comentários

Clique aqui para comentar

  • Governo Jair Bolsonaro, 6 meses…

    Como pode os bispos da igreja católica dando pitaco na política ambiental do governo Bolsonaro?
    A NASA tem filmes de todo planeta, e sendo mais triste na Africa?
    Europa só 3% de florestas?
    Muito FEIO o papa agora se preste a massa de manobra para os interesses escusos estrangeiros na Amazônia.

  • Vaticano bem poderia ter uma atitude chique e sustentável: os imigrantes que estão indo para lá, aproveitá-los para fazer a política ecológica em Roma.
    Emprego para eles, e reflorestar toda Itália…

  • Que ignorância destas pessoas este sínodo já estava marcado desde 2017 nada haver com este governo desastroso do bozo que só faz coisa mandada pelo EUA

  • Mentira….agora que eles falam que estavam preparando o sínodo desde o ano 2017, não somos bobos.
    MENTIRA!
    MENTIRA! MENTIRA!

    Toda vez que fomos assistir missa, Evangelho, ouvimos irônicas palavras contra o governo Jair.
    Desde o episódio da missa, petistas criminosos recebendo a comunhão, e ingerindo cachaça
    depois, zombando, padres receberam enxurradas de críticas pelo ato blasfêmico. Não deveriam misturar religião com política. Deveriam ser médicos de alma e não tribunais da ganância.

    FARISEUS modernos.

  • Como eu faço para nunca mais receber notícias desse site? Há como vcs me tirarem se eu estiver ver em alguma lista de vcs? Bloqueiem-me, por gentileza, pois não estou conseguindo bloquear esse site.

  • Perplexa ! Quem disse que com 3 meses de passeio pelas terras indigenas lhe capacita para entender e falar pelos indigenas. Conhecimento deles tinha Marechal Rondon, Irmãos Villas Boas e indigenistas que passaram uma vida estudando e trabalhando pela causa. O resto é falacia e interesse econômico nas terras onde eles sobrevivem.

  • Francilene Teodoro Tinti
    27 de setembro de 2019 às 19:07
    Que ignorância destas pessoas este sínodo já estava marcado desde 2017 nada haver com este governo desastroso do bozo que só faz coisa mandada pelo EUA

    QUEM É “BOZO” ? TEU MACHO ?

  • A exemplo das primeiras comunidades, os seguidores de Jesus Cristo precisariam ser mais cristãos e menos católicos, pois quando Jesus morreu na cruz , um dos primeiros pontos afetados foi justamente o templo. Todas as iniciativas para cuidar das obras do Criador descritas em Genesis é um pouco mais cristão, e o resto foi o ser humano que inventou. Que o Espírito Santo continue se manifestando nos construtores do Reino e o espírito não-santo que estão naqueles católicos não-cristãos seje convertidos pela força do Evangelho.
    Antes de sermos brasileiros (ou romanos) somos Povo de Deus…

  • Meu Deus, já se ve o olhar equivocado e preconceituoso, mal intencionado de quem escreve essa matéria chamando os povos originários de silvícolas. Teaza- los pra cidade e integra- los à sociedade, só que não é desocupar a terra e deixa – la à sorte do invasor pra especulação, esse arroubo chamado de catolicismo é anto cristão , pois só beneficia um lado, o de quem quer o indio fora de seu habitat natural e liberando o latifúndio aos especuladores. Bando de vampiros, hipócritas!!

  • A Igreja Católica sendo mais uma vez uma instituição milenar gananciosa. Todos de olho no ouro e demais riquezas da floresta! Ninguém está preocupado com os índios, nunca estiveram. Esse papa é lobo em pele de cordeiro! A Igreja mais uma vez se afasta do povo. Uma blasfêmia. Daqui a pouco a Igreja vai ser a favor da maconha, do homossexualismo é do aborto. É “prácábá”. #papadoinferno

  • Houve graves consequências nos sínodos anteriores, nos países da África, na Europa, da Ásia, da Oceania, das Américas?! NÃO. Pesquisem e vejam os sínodos anteriores, e esse estava previsto desde 2017.

  • Cambada de bocó bando de tontos patetas atrasados duentes não virão que todos políticos são iguais são tudo safados sem vergonhas . Agora falar do papa cinceramente vocês são muito topeiras não vê que o mundo foi entregue a satanás veja como receitaram o próprio Cristo e de lá então o papa vocês são um bando de sem vergonha igualmente esses políticos

  • A igreja católica matou mais índios na América do Sul do que qualquer outra religião, matou milhões de pessoas durante a “Santa Inquisição” porque detinham o poder e todo o ouro que era pilhado do Novo Mundo e agora querem continuar a destruir o mundo e o Brasil pelos seus interesses. O Vaticano e este papa são a personificação do demônio contra os homens. Este argentino travestido de homem de Deus somente tem interesses pela destruição do mundo, um verdadeiro anti-cristo. Jesus andava descalço e sem ouro ou jóias em seu corpo, seus ensinamentos não ostentavam toda aquela pompa e riqueza do Vaticano. Se tivermos que fazer algo de bom, temos que mostrar a corrupção, ganância e pedofilia dentro da igreja católica. Vejam o novo altar do Vaticano, obra demoníaca. A igreja católica é o grande mal da humanidade.

Colunistas

Guilherme Galvão VillaniGuilherme Galvão Villani

Mariliense. Gosto pela Administração, Contabilidade e Finanças. Atu...

Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...