fbpx

Bolsonaro interfere e manda suspender uso de dados de celulares para monitorar isolamento social

 


Após intervenção do presidente Jair Bolsonaro, o uso de dados de celular para monitorar o isolamento social foi suspenso.

De acordo com o ministro da Ciência e Tecnologia, Marcos Pontes, Bolsonaro pediu “prudência” quanto à iniciativa e  que a ferramenta só fosse usada após análises extras pelo governo.

“Assim, determinei que o vídeo e outros posts fossem retirados das redes sociais até o término das análises extras e aprovação final do governo. Atualmente, a ferramenta ainda está sob análise do Governo Federal quanto à aplicabilidade, garantia de privacidade e modo de operação”, declarou Pontes.

Ainda conforme o ministro, o Governo Federal ainda não usou esta ferramenta e que será usada apenas se análises garantirem a eficiência e a proteção da privacidade dos brasileiros.

Ele reforçou, que, no entanto, o estados têm autonomia podem ter acordos diretos com as operadoras. “O Governo Federal não tem controle ou participação nesses acordos”, informou.

A medida já tem sido utilizada pelo governador João Doria no estado de São Paulo para monitorar aglomerações de pessoas durante o decreto que determina isolamento social.

Colunistas

Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...