fbpx

Celso de Mello quer apreensão dos celulares de Jair e Carlos Bolsonaro

 


O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Celso de Mello, pediu à Procuradoria Geral da República (PGR) apreensão do celular do presidente Jair Bolsonaro e do vereador Carlos Bolsonaro.

Ele pede ainda a realização de oitiva do chefe do Executivo no âmbito do inquérito aberto na Corte após as declarações do ex-ministro Sergio Moro.

Três notícias-crime foram apresentadas nesta quinta-feira (21) por partidos políticos e pedem novas investigações para apurar se o presidente tentou interferir na Polícia Federal.

De acordo com Celso de Mello é papel do Estado apurar acusações criminais feitas por qualquer pessoa.

“A indisponibilidade da pretensão investigatória do Estado impede, pois, que os órgãos públicos competentes ignorem aquilo que se aponta na “notitia criminis”, motivo pelo qual se torna imprescindível a apuração dos fatos delatados, quaisquer que possam ser as pessoas alegadamente envolvidas, ainda que se trate de alguém investido de autoridade na hierarquia da República, independentemente do Poder (Legislativo, Executivo ou Judiciário) a que tal agente se ache vinculado”, escreveu o magistrado.

Quem analisa as ações é o Procurador-geral da República, Augusto Aras, que não tem prazo para decidir.

Sobre o Colunista

Bruna de Pieri

Bruna de Pieri

Jornalista e católica.

27 Comentários

Clique aqui para comentar

  • São atitudes deste ministro que transbordam de suas atribuições. Caso fosse um fato flagrante de crime ai sim poderia atraves da PF apreensão do telefone do presidente. Por supostas alegações esta at itude jamais deverá ser obedecida. Será que não poderiamos nós do povo solicitar a apreensão do ministro do STF por suspeita.?

  • E por que não se investiga ministros do STF? São dois pesos e duas medidas. E a justiça brasileira e sem ética sim. Som porque é Bolsonaro olha a velocidade. Em plena pandemia, o povo sofrido e em falência econômica e Celso de Melo acelera qualquer denúncia Par a causar mais trauma e angústia a população. Tenho certeza que se fosse lula. Olha o tempo que levou para se investigar lula e ate dilma. Estão passando só limite para derrubar o presidente da República. Deixa passar a pandemia e façam suas investigações mas parece que o objetivo é aproveitar a desmobidaçãopular com a população assustada parra dar um golpe. Gostaria que as forças armadas intervuessem chamando o ministro Para uma conversa franca. Isso não é hora para incriminar o presidente gerando mais instabilidade na nação

  • Na boa, o “cara de mello” está certo.
    .
    O papel do criminoso é cometer crimes; do cínico, ser cínico; do covarde, ser covarde e do fraco é ser fraco.
    .
    Os personagens aí mencionados estão representando, cada qual, seus respectivos papéis: o fraco e covarde está sendo fraco E covarde ao passo que o cínico-criminoso está sendo e continua sendo cínico e criminoso…

  • Há uma pequena incorreção.
    Na verdade o Celso de Mello apenas encaminhou ao PGR pedidos formulados por terceiros, embora eu ache que deveriam ter sido rejeitados de plano.

  • Ué, e o celular de Moro? Não vai pedir não? Pediu do acusado e não irá pedir o do acusador? Até onde sei, o celular de Moro é que foi utilizado para embasar a narrativa, nada mais normal do que ser utilizado como prova. Celso de Mello, o juiz de M. (tem até livro narrando como o apelido surgiu).

  • A que ponto chega o ativismo político na Suprema Corte?
    Até onde vamos, apenas como espectadores, com os descalabros do STF?
    Quer dizer que, os notebooks, celular e demais objetos que indicam as pistas para achar os mandantes do atentado contra a vida do Presidente podem ficar e se manter em sigilo, agora, o celular do Presidente e o do filho 03 tem o pedido de apreensão pelo ministro do stf???
    Inversão total de valores.
    Os casos de Fernado Collor de Melo, Renan Calheiros, Aécio Neves, Gleise Hoffmann e muitos outros podem ficar anos e anos à espera de apreciação, até que se prescreva, sem a devida investigação e condenação pelo STF?
    Infelizmente, o ex-ministro Sergio Moro já mostrou e demonstrou que não é o poço de verdade e de lisura a que muitos lhe atribuem. A julgar pela forma que saiu do Governo e como se aninhou nos braços dos inimigos declarados do Presidente e da Nação Brasileira já demonstra bem o caráter (ou a falta dele) do ex-juiz e agora também ex-ministro.
    Expor ao público uma reunião ministerial de governo é o mesmo que você filmar a sua relação sexual com sua parceira/o e divulgar para o público. É quase que o mesmo que gravar uma discussão em família e divulgar nas redes sociais. A quem interessa? Apenas a quem busca a discórdia e, neste caso, esta discórdia se chama tentativa de desestabilizar o Governo, eleito democraticamente, pelo voto popular da maioria, como manda e velha e boa (às vezes nem tão boa assim) democracia.

  • Essa decisão do Juiz de Merda, segundo o saudoso e eminente Saulo Ramos, abre precedente para exigirmos a apreensão dos telefones celulares do Adelio Bispo, autor do atentado contra Jair Messias Bolsonaro, hoje presidente da República Federativa do Brasil, e dos telefones celulares de todos os advogados de Adélio Bispo. Vamos exigir oitivas, acareações, e tudo que a lei permite. Pau que bate em Francisco, bate em Chico.

  • Apesar de teratológica e ativista, no mínimo, por uma questão de isonomia, vez que a apuração é de dupla via, deveria requerer o celular do ex-minitro Moro também.

  • Quando tentam investiga Los a história é outra, não aceitam aí vem com este discursinho barato STF sujo e imoral

  • Ate onde eles irão… cade o Cabo e os dois soldados… o povo de bem não aguenta mais isso… eles estão abusando da mansidão do povo de bem… sou a favor da democracia, não dessa invenção que estão aprimorando a seus bens estar e vontades… temos 1 terço com o presidente, 1 terço contra e 1 terço sendo manipulado, perdido sem saber o que e verdade, desse 1 terço a metade já esta se direcionando mais para o presidente… ainda acredito que teremos um xeque-mate do presidente se eles (comunistas) não conseguirem chutar o tabuleiro… Proteção ao tabuleiro já.

  • Porra o que tem de DENÚNCIA do STF , quem investiga ? Já tá passando da hora desses 11 prestarem conta de todos os desmandos que causaram ao Brasil! Chega já deu !!

  • No caso do ex-ministro Sérgio Moro todo dia uma nova narrativa. Já acusou de tudo. No final vai dizer que o PR não interviu na polícia federal porque ele não deixou.

  • Incrível a velocidade deste pedido, enquanto não se consegue o mesmo com os celulares do Adélio.

  • O Pavão de Tatuí deveria ser é preso, isto sim. Não é isento. Essas noticias-crimes se fossem recebidas por outros juizes nem seriam levadas adiante. Celso é um espertinho que não convence ninguém, só convence a extrema-imprensa idiotizada.

Colunistas

Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...