Costa Rica tem maior apreensão de drogas de sua história: mais de 5 toneladas de cocaína



A polícia de Costa Rica efetuou no último sábado (15) a maior apreensão de drogas da sua história: foram descobertas mais de cinco toneladas de cocaína escondidas em um contêiner que seria embarcado em um navio no domingo no porto de Limón.

Segundo as informações ministro do Interior, Michael Soto Rojas, a droga estava em um carregamento de flores ornamentais com destino ao porto holandês de Roterdã.

O valor estimado da apreensão é de 126 milhões de euros no mercado europeu. “O contêiner deixou San Carlos com a carga legal. Presumimos que as drogas foram colocadas em local indeterminado entre San Carlos e Moín”, afirmou o ministro de acordo com o jornal La Nación.

Um homem de sobrenome Rodríguez, de 46 anos e sem antecedentes criminais, foi preso. O contêiner onde estava a droga foi encontrado na sexta-feira.

No sábado, os agentes descobriram lá dentro  202 malas com 5.048 pacotes de cerca de um quilo de cocaína cada. A cocaína apreendida foi produzida na América do Sul e provavelmente teria sido transportada para a Costa Rica pelas águas do Pacífico Sul.

Colunistas

Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...