fbpx

Covid-19: OMS conclui que contaminação por pacientes assintomáticos é ‘muito rara”

 


Pacientes com coronavírus, mas assintomáticos, não têm potencial para infectar outras pessoas, disseram autoridades da Organização Mundial da Saúde nesta segunda-feira, colocando em conflito as afirmações de alguns pesquisadores de que a doença pode ser difícil de conter devido às “pessoas assintomáticas”.

Algumas pessoas, particularmente indivíduos jovens e saudáveis, infectados pelo coronavírus nunca desenvolvem sintomas ou apenas desenvolvem sintomas leves. Outros podem não desenvolver sintomas até dias após serem realmente infectados.

Evidências preliminares dos primeiros surtos indicaram que o vírus poderia se espalhar pelo contato pessoa a pessoa, mesmo que o portador não apresentasse sintomas.

Mas as autoridades da OMS dizem agora que, embora a propagação assintomática possa ocorrer, essa não é a principal maneira de transmissão.

“A partir dos dados que temos, ainda parece raro que uma pessoa assintomática realmente transmita adiante para um indivíduo secundário”, disse a Dra. Maria Van Kerkhove, chefe da unidade emergente de doenças e zoonoses da OMS, em entrevista à ONU. sede da agência em Genebra. “É muito raro.”

As respostas do governo devem se concentrar na detecção e isolamento de pessoas infectadas com sintomas e no rastreamento de qualquer pessoa que possa ter entrado em contato com elas, disse Van Kerkhove.

Ela reconheceu que alguns estudos indicaram disseminação assintomática ou pré-sintomática em casas de repouso e em ambientes domésticos.

São necessárias mais pesquisas e dados para “responder verdadeiramente” à questão de saber se o coronavírus pode se espalhar amplamente por portadores assintomáticos, acrescentou Van Kerkhove.

Se a disseminação assintomática provar não ser o principal fator de transmissão do coronavírus, as implicações políticas podem ser tremendas.

Um relatório dos Centros de Controle e Prevenção de Doenças dos EUA, publicado em 1º de abril, citou o “potencial de transmissão pré-sintomática” como uma razão da importância do distanciamento social.

“Essas descobertas também sugerem que, para controlar a pandemia, pode não ser suficiente apenas pessoas com sintomas limitarem seu contato com outras pessoas, porque pessoas sem sintomas podem transmitir infecção”, afirmou o estudo do CDC.

Para ter certeza, a disseminação assintomática e pré-sintomática do vírus ainda parece estar acontecendo, disse Van Kerkhove, mas continua raro. Essa descoberta tem implicações importantes sobre como rastrear o vírus e limitar sua propagação.

“O que realmente queremos focar é seguir os casos sintomáticos”, disse Van Kerkhove. “Se realmente seguíssemos todos os casos sintomáticos, isolássemos esses casos, seguíssemos os contatos e os colocássemos em quarentena, reduziríamos drasticamente” o surto.

Fonte: CNBC

Sobre o Colunista

Bruna de Pieri

Bruna de Pieri

Jornalista e católica.

10 Comentários

Clique aqui para comentar

  • Ora, ora… Se for verdade é a confirmação q de fato a quarentena foi uma farsa total! Ineficaz, irresponsável e inutil…
    Eu tô dizendo q estamos a mercê dos pseudo-especialistas, pseudo-cientistas, pseudo-jornalistas enfim estamos a mercê da esquerda internacional q ainda dita as regras do jogo manipulando a população, mas tenho esperança q isso vai acabar.

  • Alyson,
    a quarentena é uma farsa independentemente disso ser verdadeiro ou falso. Há muito tempo se sabe que quarentenas são ineficazes.

  • Muito Rara?
    Aqui no estado de Illinois teve caso de um assintomatico, que so descobriu que tinha. pois na empresa dele houveram alguns casos e a compania testou todos os empregados. A familia dele contraiu o virus, e ele continuou sem sintomas.

    Ja outro caso, entre um de meus amigos no Wisconsin, do grupo de risco, contraiu e ninguem na casa se contaminou. Ele se recuperou e hoje esta muito bem.

  • Isso explica como Japão e outros países q não aderiram a essa palhaçada , não sofreram tanto, ano passado 5 pessoas das 6 com as quais trabalho tiveram dengue,esse ano ,nem parente de parentes,de parentes, de parentes… Tiveram covide. É talvez a nova ordem não seja tão distante assim.

  • Vamos rir para não chorar kkkk meu marido foi assintomático passou pra mim que tive uma pneumonia grave então?????? difícil acreditar!!!

  • Interessante… tão logo os EUA cortaram a mamada da OMS, a verdade começou a aparecer. Canalhas comunistas!

  • CoronaFarsa!!
    Pra criar pânico, o diretor (aquele Etíope que não lembro o nome) vem para os holofotes e pinta de entendido.
    Agora, para explicar o injustificável, manda a Aspone!

    E aí “WBonner”, como sair dessa?

  • A peste-chinesa vai fazer 1 ano de existência, a __oms__ com o insignificante e inútil tedros, ainda não descobriram a origem do vírus!

    Pede pra sair, “ômi!”

    Todo dia sai uma frase insignificante dele, e o remédio para cura, temos que remediar com o qual já temos fé, pois se depender da oms com tedros, o mundo vira de cabeça pra baixo.
    Deus nos defenda.
    Sai daí, “omi!”

Colunistas

Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...