Curado, médico de Doria não responde se tomou cloroquina para se tratar da Covid-19

 


Curado da covid-19, o médico coordenador do Centro de Contingência do Coronavírus em São Paulo, infectologista David Uip, não respondeu se fez uso de hidroxicloroquina no tratamento da doença.

David Uip foi entrevistado nesta segunda-feira (6) por José Luiz Datena. “O senhor chegou a tomar esse medicamento ou não?”, perguntou o jornalista.

“Olha, eu segui regiamente o que me foi prescrito e orientado. Então cabe aos meus médicos falarem de terapêuticos, eu não vou falar de terapêuticos”, respondeu, rindo, o médico.

Datena replica: “Tomou, então tomou. Numa hora dessa, o cara toma o que tem e se é protocolo, é protocolo. Se o ministério autorizou, então tomou”.

Defensor do isolamento social, o mesmo médico parece que não tinha o mesmo posicionamento antes de ser nomeado ao atual cargo pelo governador João Doria.

Em vídeo publicado em 26 de fevereiro, Uip aparece ao lado do cardiologista Roberto Kalil Filho dizendo que o vírus chinês era de baixa letalidade e que poucas pessoas precisariam de UTI.

“Vamos continuar com a nossa vida do mesmo jeito, evidentemente com precaução. Não há recomendação de mudar hábito. Não vai deixar de ir para a escola, vá viajar. Só não vá para a China agora. Tenha bom senso”, declara. (veja abaixo).

Vale lembrar que o cardiologista Roberto Kalil Filho, diretor-geral do Centro de Cardiologia do Sírio-Libanês, que também foi diagnosticado com a Covid-19, evitou responder diretamente ao mesmo questionamento: se tomou ou não cloroquina, como noticiou o Terça Livre mais cedo. (Relembre)

Cloroquina para uns, isolamento para outros…

Colunistas

Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...