Damares Alves, a ministra alucinada

Polibio Braga


Inúmeros blogs, órgãos da grande mídia e incontáveis comentários trataram do assunto “Damares” como uma grande piada. Damares, prestes a se suicidar aos seis anos de idade por ter sido estuprada, afirma que viu Jesus o qual subiu na goiabeira onde ela se encarapitara, a abraçou e impediu que se suicidasse.
Damares virou piada geral.

Onde já se viu alguém dizer que viu Jesus? O próprio Jesus?

Acho que tenho a obrigação de contribuir com estes comediantes que acharam hilária a visão da Damares, lembrando outras personagens que fizeram o mesmo tipo de afirmação, que viram Jesus ou o próprio Deus.
A bíblia poderia servir de fonte de pesquisa sobre videntes de Deus que encheriam páginas e mais páginas o que inviabilizaria este comentário, mas alguns podem ser citados.

Moisés viu Deus em uma árvore. Não uma goiabeira. A sarça ardente. Isaías até viajou num carro de fogo. Jacó diz que lutou com um anjo que mudou seu nome para Israel. Ezequiel viu a glória de Deus na forma de um carro voador, o qual, pela descrição, lembra perfeitamente um OVNI. Paulo de Tarso viu Jesus no caminho de Damasco, Pedro o reviu quando fugia de Roma fato que gerou o livro e o filme Quo Vadis, os apóstolos o viram no cenáculo depois de morto, Madalena o encontrou junto ao túmulo. João, que alguns afirmam ter sido o apóstolo evangelista, no Apocalipse conta o que lhe foi revelado pelo próprio Jesus a respeito dos fatos que viriam a acontecer nos últimos dias. A lista poderia se estender indefinidamente.

Mais modernamente inúmeras personalidades afirmam ter visto Jesus ou Deus pessoalmente e, entre tantos, podemos lembrar de Joseph Smidt, pai da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Último Dias (Mormon) que viu Deus na floresta o qual lhe indicou, através do anjo Moroni, a localização das placas de ouro que traduziu e transformou no Livro dos Mormons. A lista moderna também é infinita.

Espero ter contribuído com um bom material para a grande mídia e seus blogs periféricos se deliciarem fazendo piada sobre todos estes personagens, malucos, com toda a certeza.

Aproveito para deixar apenas uma pergunta no ar: Será que estes personagens não foram até hoje ridicularizados pelos grandes órgãos de comunicação brasileiros por que, no seu tempo, Bolsonaro ainda não tinha sido eleito?

– O autor é CEO da Jacques – Gestão através de Ideias Atratoras, Porto Alegre,
www.fjacques.com.br – fabio@fjacques.com.br

Sobre o Colunista

Polibio Braga

Polibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em Santa Catarina, foi para o Rio Grande do Sul aos 20 anos. Foi presidente da União Brasileira dos Estudantes Secundaristas entre 1962 e 1963. Foi secretário da Indústria e Comércio e da Fazenda de Porto Alegre, além de secretário de Relações Internacionais e chefe da Casa Civil do governo do estado do Rio Grande do Sul. Foi preso duas vezes durante o regime militar brasileiro, em 1962 e 1972. Publicou um livro sobre esta experiência, chamado Ahú, diário de uma prisão política. Trabalhou nos jornais Diário Catarinense, Correio da Manhã, Última Hora, Gazeta Mercantil, Zero Hora, Correio do Povo e Jornal do Comércio, e nas revistas nas Veja e Exame. Também apresentou e participou de programas de televisão na RBS, Band, TV Pampa e TV Guaíba além de programas de rádio.

15 Comentários

Clique aqui para comentar

  • Se ela tivesse falado que viu o capiroto e ele mandasse acreditar no que vocês escrevem estaria tudo ok né bando de hipócritas desalmados!!!!!

  • Se acreditar em um ser que é infinitivamente bom, justo e santo for motivo de chacota para esse ‘orgãos iluminados’, então eu ficarei com minha alma tranquila, pois estou acreditando em quem MERECE minha confiança, e não em um bando de jornalistas vermelhos que se regojizam com a desgraça alheia e vivem da miséria dos outros. Eu, que acredito em Deus, fico rindo da cara de todos eles, pois o tempo da zombaria é este, pois no momento em que os olhos dos comunistinhas fecharem para sempre, e isso vai acontecer, eles terão que fazer piada na frente do justo juiz kkkkk como eu gostaria de ver essa cena!

  • Disse o Senhor, o Eterno: Busca teu refúgio somente Nele, com todo o teu coração. Por sua Graça, ganharás o asilo eterno da Paz suprema.
    Se, obcecado pelo sentido do “eu”, pensas: ” Eu não devo lutar!”, vã é a tua obsessão; tua natureza obrigar-te-á a lutar.
    A ti expus o mais secreto de todos os conhecimentos; medita plenamente sobre ele, e depois age como quiseres.”!
    ” Eu livrar-te-ei de todos os males; não te afliges”!

  • Você beira o ridículo!
    Não conhece bíblia e certamente não ouviu falar em Teofania!
    Porque não pública algo sobre João de Deus? O fala sobre PCC e comando? Medroso

  • O polibulo é um revanchista, faz parte atualmente da imprensa antipática, falar mal, hostiliza, ironiza, calunia.
    __ Não deve falar dos mistérios divinos ( acham duvidosos, ateus chatos), não fales nunca disto a quem não conhece a austeridade, ao que não tem devoção nem interesse em escutar, ler e ouvir, suas ironias fajutas.
    ____”Pela devoção, Ele realiza quão grande Sou e quem sou Eu; tendo-me conhecido realmente, ele a Mim se une.”

  • Pelos comentários percebermos que a instrução (a educação) está falida.
    .
    O brasileiro é incapaz de interpretar o mais simples dos textos, que dirá um texto da área política…

  • A globo, só vive jogando indiretas… os atores pedindo e impondo: que_” a lei roubanet seja mantida…
    Disseram no programa, quase extinção faustão:__não somos corruptos.
    _____ Quero meu PAÍS de volta: equipado com um entendimento puro, controlando o ego com vontade firme, abandonando os objetos dos sentidos, deixando para trás simpatias e antipatias.
    VIVA JAIR BOLSONARO.

  • A esquerda está perdida com a eleição de jair Bolsonaro por isso está perseguindo os ministros, eles esquecem que o país escolheram Bolsonaro é ponto final

  • Posso acrescentar mais um nome em sua lista, e duvido que a Globo e outros veículos de mídia questionarão: Ayrton Senna. Para quem não se lembra, ele disse num especial do cantor Roberto Carlos. Senna disse ter visto Deus logo após a bandeirada do GP do Japão de 1988, quando conquistou seu primeiro título na principal categoria do automobilismo. E ninguém falou nada!

  • Não sabem mais identificar uma ironia clara como a desse texto. Daí, partem para insultos contra o jornalista, diretamente, que nem é o autor do texto irônico.

    Sequer atentaram para o parágrafo final, em que o autor faz uma indagação a partir da inequívoca hipocrisia dos detratores da ministra.

  • A nossa ministra está de parabéns.
    Pois a bíblica da um exemplo de Zaqueu que sobre em uma árvore e tem um encontro com Jesus e tem a vida transformada.
    Isso e para poucos somente pessoasamada por DEUS
    Crê e tem vidas transformadas

  • É a coisa mais ridícula que já li na minha vida, rindo muito aqui:
    1 – o jornalista tendencioso querendo justificar o injustificável, que colocaram uma doida como ministra por pressão dos evangélicos.
    2 – Os evangélicos não saberem interpretar o texto que o jornalista escreveu. Todos revoltados!!! kkkk

    Piadaaaaaaaa kkkkkk

Colunistas

Guilherme Galvão VillaniGuilherme Galvão Villani

Mariliense. Gosto pela Administração, Contabilidade e Finanças. Atu...

Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...