fbpx

Desemprego sobe para 12,9% e atinge 12,7 milhões no trimestre encerrado em maio

 


A taxa de desemprego foi de 12,9% no trimestre encerrado em maio de 2020.

De acordo com dados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE), a porcentagem de pessoas que procuravam vaga no mercado de trabalho subiu 1,2 ponto em comparação com o trimestre anterior, de dezembro de 2019 a fevereiro de 2020, quando estava em 11,6%. O desemprego atinge 12,7 milhões de pessoas.

Indicador/Período Mar-Abr-Maio 2020 Dez-Jan-Fev 2020 Mar-Abr-Maio 2019
Taxa de desocupação 12,9% 11,6% 12,3%
Taxa de subutilização 27,5% 23,5% 25,0%
Rendimento real habitual R$2.460 R$2.374 R$2.344
Variação do rendimento habitual em relação a: 3,6% 4,9%

A população desocupada (12,7 milhões de pessoas) teve aumento de 3,0% (368 mil pessoas a mais) frente ao trimestre móvel anterior (12,3 milhões de pessoas) e ficou estatisticamente estável frente a igual trimestre de 2019 (13,0 milhões de pessoas).

A população ocupada (85,9 milhões) caiu 8,3% (7,8 milhões de pessoas a menos) em relação ao trimestre anterior e de 7,5% (7,0 milhões de pessoas a menos) em relação ao mesmo trimestre de 2019. Ambas as quedas foram recordes da série histórica.

O número de empregados com carteira de trabalho assinada no setor privado (exclusive trabalhadores domésticos) caiu para 31,1 milhões, menor nível da série, sendo 7,5% abaixo (-2,5 milhões de pessoas) do trimestre anterior e 6,4% abaixo (-2,1 milhões de pessoas a menos) do mesmo período de 2019.

O número de empregados sem carteira assinada no setor privado (9,2 milhões de pessoas) apresentou uma redução de 2,4 milhão de pessoas (-20,8%) em relação ao trimestre anterior e 2,2 milhões de pessoas (-19,0%) em relação ao mesmo trimestre do ano anterior.

O número de trabalhadores por conta própria caiu para 22,4 milhões de pessoas, uma redução de 8,4% frente ao trimestre anterior e de 6,7% frente a igual período de 2019.

A taxa de informalidade foi de 37,6% da população ocupada, ou 32,3 milhões de trabalhadores informais, o menor da série, iniciada em 2016. No trimestre anterior, a taxa havia sido 40,6% e no mesmo trimestre de 2019, 41,0%.

Confira aqui todos os dados.

Colunistas

Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...