fbpx

Em resposta a Trump, China ordena fechamento de consulado dos EUA em Chengdu

Trump
 


A China ordenou, nessa sexta-feira (24/7), que os Estados Unidos fechem o consulado na cidade de Chengdu, sudoeste do país. 

A medida vem dias depois que o governo de Donald Trump mandou fechar o consulado da China em Houston, no Texas.

“A medida adotada pela China é uma resposta legítima e necessária ao ato injustificado dos EUA. Está em conformidade com o direito internacional, as normas básicas das relações internacionais e as práticas diplomáticas costumeiras”, afirmou o Ministério das Relações Exteriores da China, em comunicado.

A decisão dos Estados Unidos foi tomada, de acordo com o governo norte-americano, para proteger a propriedade intelectual e os dados privados.

Segundo a mídia de Houston, pessoas foram vistas queimando papeis em latas de lixo em frente ao consulado depois que o fechamento foi anunciado, no dia 21 de julho.

O porta-voz da diplomacia chinesa, Wang Wenbin, classificou a decisão dos Estados Unidos como “ultrajante e injustificada”.

O Ministério das Relações Exteriores chinês disse que a ação dos Estados Unidos “violou seriamente o direito internacional, as normas básicas das relações internacionais e os termos da Convenção Consular China-EUA. Prejudicou gravemente as relações China-EUA”.

Assista aos comentários da notícia:

Colunistas

Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...