fbpx

Fachin pressiona resposta da PGR sobre investigação contra Maia

 


O relator da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF) ministro Luiz Edson Fachin, cobrou o procurador-geral da República, Augusto Aras, para que se manifeste, com urgência sobre se pretende denunciar o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, ou solicitar o arquivamento de uma investigação em que ele e o pai, Cesar Maia, foram citados. As informações são da CNN.

Ambos foram delatados por executivos da Odebrecht. De acordo com a denúncia, o nome do presidente da Câmara constava nas planilhas de propina como “Botafogo”.

A Polícia Federal concluiu em 2019 uma investigação aberta em 2017 e apontou indícios de que Maia e o pai cometeram crimes de corrupção passiva, falsidade ideológica eleitoral e lavagem de dinheiro.

Naquela época, Fachin havia concedido 15 dias para Raquel Dodge, então procuradora-geral, oferecer denúncia ou requerer o arquivamento do inquérito.

Até hoje não houve posicionamento da PGR sobre a ordem do ministro nem devolução dos autos ao Supremo.

Colunistas

Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...