Funcionários da ONU envolvidos em várias denúncias de abuso sexual



A Organização das Nações Unidas (ONU) recebeu entre abril e junho um total de 70 denúncias de abusos sexuais cometidos por seus funcionários e de outras entidades com as quais colabora.

As informações foram repassadas pela própria organização na última segunda-feira (30).

O número é superior aos 54 casos notificados nos três primeiros meses do ano pelas Nações Unidas, que informa periodicamente sobre estas acusações como medida de uma nova estratégia de “tolerância zero” contra os abusos.

No segundo trimestre, a ONU recebeu 43 acusações nas quais haveria membros da organização envolvidos, das quais 18 tinham a ver com operações de paz e 25 com funcionários de agências da organização.

Além disso, houve outras 24 denúncias contra pessoal de entidades que trabalha com as Nações Unidas no terreno e três contra forças internacionais autorizadas pelo Conselho de Segurança, mas que não atuam sob a bandeira da organização.

Por enquanto, três das denúncias foram confirmadas após uma investigação, enquanto dois não foram comprovados e quatro casos foram encerrados por diferentes motivos.

Fonte: Tarciso Morais – RENOVA Mídia

Colunistas

Guilherme Galvão VillaniGuilherme Galvão Villani

Mariliense. Gosto pela Administração, Contabilidade e Finanças. Atu...

Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...