BrasilNotícias

Gilmar Mendes solta mais um

Ex-diretor da Dersa agradece

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes, mandou soltar o ex-diretor da Desenvolvimento Rodoviário S/A (Dersa) Paulo Vieira de Souza, apontado como operador do PSDB.

Souza é acusado de coagir uma mulher acusada no processo que investiga desvio de recursos de R$ 7,7 milhões da Dersa, entre 2009 e 2011 (governos Serra e Alckmin). De acordo com o Ministério Público Federal em São Paulo, ao menos três ameaças foram recebidas por ela e sua irmã nos últimos dois anos.

“(…) Ante o exposto, defiro a medida liminar para suspender a eficácia do decreto de prisão preventiva de Paulo Vieira de Souza, o qual deverá ser posto em liberdade, se por outro motivo não estiver preso. Publique-se. Comunique-se, com urgência. Dê-se vista à Procuradoria-Geral da República para parecer”, anotou Gilmar.

Estado de Minas

Ver mais

Artigos relacionados

2 Comentários

  1. Esse Político vigarista, picareta, salafrário desse Gilmar Mendes não passa de uma Fábrica de Habeas Corpus para libertar celerados facínoras que afanam o rico dinheiro do Povo brasileiro pagador de excessivos e suados impostos!!! Não dá mais para aturar essa criatura maldita dos infernos!!!!!

  2. Como pode uma criatura déssa soltar tantos bandidos, com 70 anos sabe que pouco ficara presso. É preciso e necessario tira-lo do STF pelo bem da nação e manda-lo p a Alemanha. Oh porcaria, não ta nem ai com o povo que paga com muito suor seu salario e tantas mordomias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close