Hacker rouba dados de toda a população do Equador



O Equador informou que informações pessoais de quase todos seus 17 milhões de cidadãos foram roubadas em um ataque de hackers.

Funcionários do governo equatoriano disseram que esta semana uma empresa privada que geria as informações sofreu um ataque.

Eles afirmam que incontáveis dados de 20 milhões de pessoas foram expostos, incluindo informações de indivíduos já falecidos.

Os dados roubados incluem nomes, datas de nascimento, histórico escolar e empregatício, números de telefone celular, bem como contas bancárias e número identificador dos contribuintes.

O governo disse que vai promulgar em até três dias uma lei de proteção de dados para que possa reagir a qualquer abuso das informações roubadas.

As autoridades estão buscando um ex-funcionário do governo pode estar envolvido no roubo.

Com informações da Agência Brasil

Sobre o Colunista

Bruna de Pieri

Bruna de Pieri

Jornalista e católica.

4 Comentários

Clique aqui para comentar

  • Terça Livre, ao anunciar uma notícia relacionada a Tecnologia da Informação, sempre usem o termo “Cracker”, se for a respeito de roubos, crimes, etc,. O termo “Hacker” diz respeito a pessoa que tem os mesmos conhecimentos do cracker, mas que tal conhecimento não é direcionado para a maldade e má consulta. Gosto muito do trabalho de vocês.

  • @printf , infelizmente acho que sua demanda é INÚTIL. O termo “HACKER” ficou mundialmente popularizado e estereotipado a qualquer um que, com boas ou más intenções, com ou sem autorização, invadem sistemas alheios. 😉

Colunistas

Guilherme Galvão VillaniGuilherme Galvão Villani

Mariliense. Gosto pela Administração, Contabilidade e Finanças. Atu...

Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...