Internet é principal fonte de informação do eleitor brasileiro



Levantamento recente do Paraná Pesquisas indica que 42,5% dos eleitores brasileiros usam a internet e as mídias sociais como principal meio para se informar sobre as eleições neste ano de 2018.

O percentual é maior do que os 36,7% que se informam a respeito das disputas eleitorais pela TV. O jornal impresso é a fonte de informação mais utilizada por apenas 6,3% dos eleitores. Rádio fica com 5,6%.

O instituto Paraná Pesquisas entrevistou 2.240 eleitores em 170 cidades de todas as regiões do país nos dias 25 a 30 de julho de 2018. A margem de erro é de 2 pontos percentuais. O registro no TSE é BR-00884/2018.

De acordo com informações do Poder 360:

“Vale registrar que 48,9% dos jovens de 16 a 24 anos, parcela mais ativa do eleitorado, informam-se prioritariamente pela internet quando se trata de saber como está o processo eleitoral. Nessa faixa etária, só 3,4% usam jornais impressos.

A TV, que sempre teve peso muito grande nas eleições recente no Brasil, é considerada fonte principal de informação por apenas 34,9% dos jovens de 16 a 24 anos. Os mais velhos, de 60 anos ou mais, é que usam mais a televisão (44,1%) e os veículos impressos (7,9%).

Não está claro se na reta final da campanha eleitoral, durante o mês de setembro, a TV terá grande impacto como nas disputas de anos anteriores. A propaganda eleitoral estará em todos os canais, tanto com comerciais curtos como nos programas mais longo no início da tarde e da noite.”

Fonte: Tarciso Morais – RENOVA Mídia

Blog Authors

Guilherme Galvão VillaniGuilherme Galvão Villani

Mariliense. Gosto pela Administração, Contabilidade e Finanças. Atu...

Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...