Jair Bolsonaro recebe alta médica

Bolsonaro alta
 


Após mais de vinte dias de internação, o candidato do PSL à Presidência da República, Jair Bolsonaro, recebeu alta na tarde deste sábado (29).

A equipe médica do Hospital Israelita Albert Einstein disse que o candidato do PSL estava livre para voltar para casa após 22 dias de internação.

Segundo Gustavo Bebbiano, presidente do PSL, Bolsonaro está “plenamente recuperado” e surpreendeu a todos os médicos, mas não tem condições de ir às ruas neste momento.

Ainda há uma fragilidade física que pode causar um retrocesso nessa recuperação, não haverá corpo a corpo. Campanha de rua ele está impossibilitado de fazer”.

Jair Bolsonaro chegou ao renomado hospital na capital paulista um dia depois de receber uma facada na barriga durante comício na cidade de Juiz de Fora, interior de Minas Gerais.

Ao longo desta três semanas, o deputado federal manteve-se longe da campanha presidencial, mas continuou sendo duramente atacado por seus adversários, principalmente pelo tucano Geraldo Alckmin.

Após ter recebido alta médica, Bolsonaro segue, agora, rumo ao aeroporto de Congonhas, onde pegará um voo, às 15 horas, com destino ao Rio de Janeiro, onde está localizada sua residência.

É de lá que o capitão do exército deve “tomar as rédeas” da campanha, segundo as palavras da advogada Janaina Paschoal nesta sexta-feira (28).

Fonte: Tarciso Morais – Renova Mídia

Sobre o Colunista

Ricardo Roveran

Ricardo Roveran

Estudante de artes, filosofia e ciências. Jornalista, crítico de arte e escritor. Escrevo por amor e nas horas vagas salvo o mundo.

Twitter: @RicardoRoveran

3 Comentários

Clique aqui para comentar

  • Meditamos Mantras todos os dias para Jair: cura, a saúde, a vida, ascensão… VITÓRIA.
    . Namastê.
    SOU JAIR. 17.

  • Nunca pensei que isso aconteceria: não conseguir me concentrar nos meus afazeres diários por conta da eleição. Fico abismado com o nível superficial da preocupação alheia. O PT lança um plano de governo monstruoso, ameaçador, catastrófico para nosso país, mas o problema é o Jair Messias Bolsonaro constatar que empresários preferem empregar mulheres.
    Tento explicar para as pessoas o contexto e os motivos que me levam a votar 17, mas qualquer opinião a partir da declaração de voto passa a ser opressão e ignorância.
    Nunca vi um Fascista querer dar poder ao indivíduo; nunca vi um machista punir rigorosamente estupradores e querer que mulheres armem-se para sua proteção; nunca vi um racista casar com filha de negro; nunca vi homofóbico conversar pacificamente com homossexuais e receber apoio dos mesmos…
    O pior de tudo é ouvir alguém dizer que eu tenho que ler mais jornal para saber o que está acontecendo no Brasil e no mundo.

    Dia 07 é 17

Colunistas

Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...