Judeus anunciam processo contra Ciro Gomes por antissemitismo



A Confederação Israelita do Brasil (Conib) anunciou que irá processar Ciro Gomes (PDT) por antissemitismo. No último sábado (20), o ex-candidato à presidência da República afirmou em entrevista ao site HuffPost Brasil que “agora Bolsonaro diz aos grupos de interesse o que eles querem ouvir”. “Por exemplo, para os amigos dele aí, esses corruptos da comunidade judaica, que acham que, porque são da comunidade judaica, têm direito de ser corrupto. Corrupto, para mim, não interessa se é curdo ou cearense. Corrupto é corrupto, ladrão é ladrão”, afirmou o pedetista.
Em nota, a Conib repudiou a declaração infeliz do ex-ministro: “Mais uma vez, Ciro Gomes nos ataca de forma generalizada, agora chamando membros da comunidade de ‘corruptos’”, diz o comunicado divulgado pela Conib. “Não vemos Ciro ligar outras minorias ou grupos à corrupção no Brasil. Se pretende ser visto como um político despido de ódios e preconceitos, cabe ao ex-governador se retratar das infelizes declarações contra os judeus brasileiros”, completa.
Informações: Último Segundo

Sobre o Colunista

Fernanda Salles

Fernanda Salles

Jornalista/Repórter

16 Comentários

Clique aqui para comentar

  • Ciro está tentando crescer gerando o máximo de polêmica falando o máximo de escrotidão possível. Provavelmente, na cabeça dele, acredita estar imitando Bolsonaro. Infelizmente para ele, o que Bolsonaro fala e que o irrita profundamente são verdades que contrariam a visão socialista do PDT e de Ciro.
    Tentando dar uma de “politicamente incorreto” Ciro só diz o que pensa realmente sem pensar , por não ter a mesma proporção moral das coisas, só fala absurdos desmedidos.
    O melhor argumento contra um comunista é deixá-lo falar.

  • Ué, não foi esse mesmo Ciro que disse que toparia montar um esquema para raptar o Lula e solta-lo em uma embaixada amiga caso ele corresse o risco de ser preso? Agora ele se diz preocupado em perseguir corrupto? Isso não dá nem para chamar de incoerência, é falta de vergonha na cara mesmo.

  • Ciro trabalhou na ferrovia ganhando 250.000 reais mensais na era Dilma e Lula e pouco fez e ainda foi uma corrupção generalizada nas obras com super faturamento e só fizeram um pequeno trecho da ferrovia que liga nada a lugar nenhum pesquisem e vejam a vergonha que fazem com dinheiro público

  • Era ou não era esse o candidato da esquerda que chamava Bolsonaro de “Hitlerzinho tropical”? A esquerda, o esquerdista, é sempre muito clichet, eles sempre acusam do que eles são, ou do que fazem. Você vê um esquerdista te chamando de homofóbico? Pode ter certeza que o homofóbico é ele. Um esquerdista te chamou de corrupto? Cedo ou tarde se revela que ele é o corrupto. Um esquerdista te acusa de ser nazista? Bom…

  • Ciro Gomes disse que sabia da corrupção no governo de Lula e não avisou o MP, disse ele que o correto era “avisar ao chefe”. Ele avisou Lula e ficou por isso mesmo, roubando, roubando, roubando… e agora ele acusa os judeus de serem corruptos, mas é uma figura abjeta mesmo esse senhor!

  • A decisão de processá-lo só prova que o que falou é verdade, a comunidade judaica usa o antissemitismo como escudo pra se tornar invulnerável contra qualquer acusação. Israel enquanto pais faz o mesmo enquanto país.

  • Ciro Gomes é um sujeito vil, um oportunista e manipulador. Ele é um típico esquerdista que xinga e ofende os outros do que quer e depois acusa os outros de ser o bandido racista e antissemita que ele, Ciro, é.

Colunistas

Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...