Mais de 8 mil inscritos no Mais Médicos vão atuar imediatamente

mais médicos x revalida


O Ministério da Saúde informou ontem (29) que mais da metade das vagas preenchidas no Programa Mais Médicos estão em regiões de alta vulnerabilidade e de extrema pobreza. De acordo com o balanço, dos 8.366 médicos que já estão aptos a se apresentarem aos gestores locais, 53,3% escolheram cidades com maior vulnerabilidade. Os profissionais que escolheram as periferias das capitais e regiões metropolitanas somaram 17,3%.

Segundo o ministério, até as 17h desta quinta-feira (29), o sistema alcançou 33.542 inscritos com registro (CRM) no Brasil. Desse total, 8.366 profissionais foram distribuídos para atuação imediata. As inscrições prosseguem até dia 7 de dezembro.

Dados repassados pelos municípios apontam que 1.644 profissionais já se apresentaram ou iniciaram as atividades. A apresentação à cidade tem data limite até 14 de dezembro e o começo da atuação deve ser estabelecido junto ao gestor local.

Segundo o ministro Gilberto Occhi, a pasta estuda deslocar médicos que já integram o programa para locais que não tiverem a adesão de novos profissionais. No entanto, apenas com o fim do prazo, o ministério comunicará o que será feito para que a população não fique sem atendimento. O ministro ressaltou que a pasta estará atenta para substituir os profissionais que deixarem os postos escolhidos após assumirem caso haja necessidade. Aqueles que deixarem o programa poderão ter que devolver o custo da passagem e os auxílios que receberem para poderem se fixar no município.

Fonte: EBC

Sobre o Colunista

Ricardo Roveran

Ricardo Roveran

Estudante de artes, filosofia e ciências. Jornalista, crítico de arte e escritor. Escrevo por amor e nas horas vagas salvo o mundo.

Twitter: @RicardoRoveran

2 Comentários

Clique aqui para comentar

  • Penso que uma grande ampliação das faculdades de medicina com rompimento do interesse por parte do CRM que visa a supervalorização salarial em detrimento do interesse coletivo propiciaria um maior acesso a saúde da população em geral. Infelizmente, o interesse individual prevalece no nosso país.

  • UE… o que houve, Sr. Ricardo Roveran?
    Não iam TODOS atuar IMEDIATAMENTE e COM REVALIDA???? Pq não se cobrou Revalida destes 8.000 (e nem dos outros estrangeiros e brasileiros formados fora do Brasil, na segunda rodadada)?
    Que estória é essa tb de menos de 30% dos mais de 8.000 que o senhor ressaltou em sua ‘coluna’ terem se apresentado – mesmo depois de EXTENDIDO o prazo – e de que ainda dos que se apresentaram 30% já eram dos PSFs, deixando várias populações de periferias de cidades desassitidas na busca de um salário melhor com o Mais Médicos?
    Onde está o seu profissionalismo em se retratar.
    Vc lembra um bufão que quando jogam água, fica quieto.
    Seja menos ideológico e mais técnico – ou então pare de escrever asneiras da qual se arrependerá em breve (já que não tem dados técnicos e nem históricos que o sustente).
    Profissional pífio, sincramente. Quer só surfar na onda Bolsonariana – como muitos – para tentar se destacar.

Blog Authors

Alexandre PachecoAlexandre Pacheco

Alexandre Pacheco é Professor de Direito na FGV, Advogado, Palestra...

Guilherme Galvão VillaniGuilherme Galvão Villani

Mariliense. Gosto pela Administração, Contabilidade e Finanças. Atu...

Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...