fbpx

Ministério Público abre inquérito para investigar possíveis crimes de Alckmin



O Ministério Público de São Paulo, nessa sexta-feira (20), um inquérito civil para investigar o ex-governador Geraldo Alckmin (PSDB). Tal procedimento vai apurar atos de improbidade administrativa, com recebimento de caixa dois, supostamente praticados pelo tucano.

Este inquérito foi criado com base na delação da empreiteira Odebrecht, que citou o pagamento a Geraldo Alckmin de doações eleitorais ilegais, o chamado caixa dois, durante as eleições para governador de 2010 e 2014.

Alckmin, que foi citado por três delações da  Lava Jato, teria recebido R$ 10 milhões, sem regular declaração a Justiça Eleitoral. Os valores teriam sido distruídos em R$ 2 milhões para a campanha de 2010 e R$ 8,3 milhões para a campanha de 2014.

A portaria desse inquérito aberto pelo MP-SP foi assinada pelos promotores Otávio Ferreira Garcia, Nelson Luis Sampaio de Andrade e por Marcelo Milani.

Fonte: Último Segundo – iG 

 

Colunistas

Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...