BrasilNotícias

Moro: prisão em segunda instância transcende Lula

Em entrevista ao programa Roda Viva, da TV Cultura, o juiz federal Sérgio Moro – responsável pelos processos da Lava Jato em primeiro grau – salientou que as discussões envolvendo prisões em 2ª instância vão além da Operação da Polícia Federal e da condenação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o Lula (PT).

De acordo com Moro, esperar o fim de todos os recursos para executar as prisões de condenados seria um desastre para o país em face da impunidade. O juiz colocou seu ponto de vista ao ser indagado sobre o julgamento que analisará o pedido que visa evitar a prisão de Lula por meio de um habeas corpus.

O Supremo Tribunal Federal (STF) vai decidir sobre o assunto no próximo dia 4 de abril. Moro foi enfático: “foi estabelecido um precedente importante, em 2016, pelo ministro Teori Zavascki. Se for esperar o último julgamento seria um desastre muito grande, porque levaria à impunidade, especialmente dos poderosos. É um assunto que transcendente o ex-presidente Lula”.

Moro disse não acreditar na hipótese de um acordo para salvar Lula que envolva o STF. “Já tive a oportunidade de conhecer os ministros, ver como funciona, não posso acreditar nisso”.

Tags
Ver mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close