fbpx

Número de curados do vírus chinês é quase quatro vezes maior que número de óbitos

 


Subiu para 464.995 o número de pessoas curadas no mundo inteiro após terem contraído a covid-19, doença causada pelo vírus chinês.

O número é quase quatro vezes maior do que o numero de óbitos causados pela mesma doença. Até a última atualização desta matéria, um total de 120.914 pessoas foram a óbito no mundo todo desde o início da pandemia, de acordo com o Johns Hopkins coronavirus resource center.

Até o momento, de acordo com os dados, existem 1.935.646 de casos confirmados. Tomando o número de óbitos em relação ao total de casos confirmados chega-se a uma taxa de letalidade de 6.1% para o epidemia do coronavírus chinês. Uma taxa relativamente alta, mas que reflete o baixo índice de testagem da maioria dos países, conforme elencou o site Crítica Nacional.

“Enquanto países como França, Itália, Suíça e Israel possuem taxas superiores a 10 mil testes realizados por milhão de habitantes, países como Brasil, Índia, México e Paquistão exibem taxas inferiores a 300 testes por cada milhão de habitantes. Houvesse uma testagem mais ampla no mundo todo, a taxa de letalidade seria substancialmente menor”, informou ainda o portal.

Colunistas

Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...