MundoNotícias

Onda de frio siberiano mata quatro pessoas na Europa

Um frio intenso atingiu a Europa e provocou ventos fortes e caos nos transportes nesta segunda-feira (26). Uma precipitação de neve rara em Roma que forçou as autoridades italianas a pedir ao Exército para ajudar a liberar as ruas.

Ao menos quatro pessoas morreram vítimas do frio siberiano na Europa. Muitas cidades foram obrigadas a fecharem as escolas.

A “Besta do Leste”, como está sendo chamada pela imprensa inglesa, deixou Roma coberta de neve. É a primeira nevada na capital italiana em seis anos, alimentada por ventos gélidos provenientes da Rússia, que fará as temperaturas caírem para níveis incomuns em várias partes da Europa.

Em Roma a prefeitura fechou as escolas e a companhia ferroviária abriu várias estações para abrigar os sem teto.

Na capital italiana – similar aos prognósticos em Paris – foi registrada uma temperatura de zero graus Celsius na segunda-feira de manhã, e até quarta-feira haverá baixas de até -6.

Nem a Rússia se salva desta onda extraordinária de frio extremo. Seu serviço meteorológico advertiu de temperaturas “anormalmente frias” de entre -14º C durante o dia e -24º C durante a noite.

 

Tags
Ver mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close