Parlamentares da frente conservadora pedem impeachment de 4 ministros do Supremo

bia kicis
 


Quinze parlamentares da frente conservadora entraram hoje (27/2) com pedido de impeachment de quatro ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), no Senado.

O pedido foi feito contra os ministros Celso de Mello, Fachin, Moraes e Barroso. O motivo foi o julgamento da ADO 26, no qual os quatro votaram para equiparar a homofobia como crime de racismo.

Entre as justificativas consta a separação de poderes e a cláusula pétrea da Constituição que proíbe a invenção de crimes por analogia.

Sobre o Colunista

Ricardo Roveran

Ricardo Roveran

Estudante de artes, filosofia e ciências. Jornalista, crítico de arte e escritor. Escrevo por amor e nas horas vagas salvo o mundo.

Twitter: @RicardoRoveran

4 Comentários

Clique aqui para comentar

  • Argumento sem lógica, e outra, podemos até discordar, mas, quem pode impedir Ministros do STF, por isso? Por expressarem seu voto, uma vez provocados judicialmente? Parece os inimigos da lava jato que querem atacar magistrados, pegou mal esse pedido por estas razões, se fosse por corrupção…a discussão era outra…

  • Já devem ter inúmeros pedidos de Impeachment contra muitos ministros do STF, o dificil é conseguir votar esses Impeachments..

Colunistas

Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...