fbpx

Polícia Federal deflagra operação para investigar fraudes no INSS

pf
 


A Polícia Federal deflagrou, nessa terça-feira (7/7), a Operação Revide, com o objetivo de investigar fraudes em benefícios por incapacidade (auxílios por incapacidade temporária e aposentadorias por incapacidade permanente), praticadas por meio de uma organização criminosa (ORCRIM) composta por médicos, advogados e intermediários, em São Paulo.

A operação ocorreu por meio da Força-Tarefa Previdenciária formada pelo Núcleo de Inteligência Previdenciária e Trabalhista em São Paulo, pela Procuradoria Federal e pelo INSS. As investigações desvendaram que as fraudes ocorrem em sede judicial. O perito do juízo recebia propina do grupo para declarar pessoas saudáveis como incapazes para o trabalho.

Foram expedidos 23 mandados de busca e apreensão para cumprimento no estado de São Paulo, na cidade de São Paulo, Guarulhos e Caieiras e no estado de Minas Gerais, na cidade de Poços de Caldas, além de medidas restritivas de direitos para impedir que os criminosos continuem a delinquir.

Em uma amostragem inicial, verificou-se que as fraudes provocaram desvios de mais de R$ 13 milhões, porém, em razão do desmantelamento da ORCRIM, estima-se que será evitado um prejuízo de mais de R$ 27 milhões.

Informações: Agência PF

Sobre o Colunista

Brehnno Galgane

Brehnno Galgane

Graduando em Filosofia pela PUC-Rio, Católico e cultivador de uma narrativa que tenha sentido segundo a forma humana.

Comente

Clique aqui para comentar

Colunistas

Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...