Presidente de associação de juízes diz que "sociedade brasileira acordou" - Terça Livre TV
Notícias

Presidente de associação de juízes diz que "sociedade brasileira acordou"

Em entrevista  à Jovem Pan, o presidente da Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe), Roberto Veloso, fez questão de agradecer “apoio do povo brasileiro” que foi às ruas do País neste domingo em atos a favor da Operação Lava Jato e contra o Congresso e a corrupção. “Nós agradecemos, como juízes, encarregados por essas investigações, o apoio do povo brasileiro”, disse.

Ouça a entrevista completa AQUI.

“Vemos as manifestações que estão ocorrendo pelo Brasil como uma grande festa cívica do povo brasileiro dizendo que é preciso dar um basta à corrupção e que é preciso também entregar mecanismos, instrumentos para a magistratura e ao Ministério Público, e também à polícia, para o correto enfrentamento deste mal”, afirmou o magistrado.

Veloso disse que a corrupção “é a causa da crise brasileira” e desviaria R$ 200 bilhões anuais dos cofres públicos, citando estudo da ONU. Veloso avalia que, durante a tragédia da Chapecoense, a Câmara dos Deputados “se aproveitou justamente para aprovar o enfraquecimento do Judiciário e do Ministério Público”. “Felizmente a sociedade brasileira acordou para isso e está hoje nas ruas”, comemora. “Ainda bem que o Senado federal não deu regime de urgência a essas medidas”, lembra ainda.

O presidente da Ajufe propõe o debate de medidas de combate ao abuso de autoridade de mebros do Judiciário. “Vamos debater – mas não na calada da noite, com o povo brasileiro consternado”, ressalva.

Caso as medidas, da forma que foram aprovadas pela Câmara, passem, Veloso prometeu recorrer ao Supremo Tribunal Federal, quem deveria, em sua visão, corrigir eventuais distorções no Judiciário. “Isso não pode ser feita por uma emenda”, avalia. “Com as medidas aprovadas pela Câmara, parece que vale a pena cometer crimes no Brasil”, criticou.

JP

Ver mais

Artigos relacionados

Um Comentário

  1. Juízes pegando carona no prestígio de Sergio Moro. Não se enganem. Se consideram uma casta superior e não estão nem aí prá sociedade brasileira enquanto tiverem subsídios para comprar ternos em Miami.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Close