Previdência: Senadores querem incluir estados e municípios em proposta paralela

Tasso Jereissati


As alterações na proposta de reforma da Previdência que chegou ao Senado depois de aprovada pela Câmara dos Deputados, deverão ser feitas através de uma PEC paralela.

O senador Tasso Jereissati (PSDB-CE) deverá apresentar o relatório da reforma no dia 28 de agosto, na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania do Senado (CCJ). O relator não deverá mudar a proposta para garantir a promulgação em outubro.

Dentre as possíveis alterações que podem constar numa PEC paralela, está a inclusão de estados e municípios na proposta de reforma.

Segundo o líder do PT, Humberto Costa (PE), a oposição usará o Regimento Interno do Senado para impedir o que chamou de “rito sumário da reforma”.

Já o relator Tasso Jereissati, disse que pretende,  no meio das discussões sobre a reforma, conversar com o Rodrigo Maia, porque existem fatos novos. “Ontem mesmo, foi anunciado o apoio dos 27 governadores”, afirmou nesta quinta-feira (8). “Se houver unanimidade dos governadores apoiando, acho que vai ser difícil que não haja consenso”, comentou o relator.

Blog Authors

Guilherme Galvão VillaniGuilherme Galvão Villani

Mariliense. Gosto pela Administração, Contabilidade e Finanças. Atu...

Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...