Segundo denúncia, quase 6 milhões da fraude dos fundos de pensão foram para o PT



Segundo a denúncia apresentada ao Ministério Público Federal (MPF), R$ 5.9 milhões das fraudes nos fundos de pensão investigados pela operação Greenfield, foram para o PT, informou a Agência Brasil na quinta-feira (3/1).

De acordo com o MPF, o grupo que atuou desviando dinheiro no esquema de corrupção dos fundos de pensão, foi responsável por um prejuízo de R$ 402 milhões ao Funcef (Caixa Econômica Federal). Entre os investigados no grupo está o ex-tesoureiro do PT, João Vaccari Neto.

Palocci assinou acordo de delação que começa hoje (7/1) e se estende até quarta-feira (9/1). A apuração da PF espera encontrar um montante superior a R$ 8 bilhões, desviados dos fundos de pensão.

 * Com informações da Agência Brasil

Sobre o Colunista

Ricardo Roveran

Ricardo Roveran

Estudante de artes, filosofia e ciências. Jornalista, crítico de arte e escritor. Escrevo por amor e nas horas vagas salvo o mundo.

Twitter: @RicardoRoveran

6 Comentários

Clique aqui para comentar

  • Viúvas (os), órfãos lesados.
    Além de roubar pão, salários, confiança.
    Piores do que ladrão. Depredadores do suor alheio.
    Os que menos sabem governar-se são os que mais ambicionam governar os outros.
    Extinção do partido dos patifes.
    Infames.

  • Isso não é um partido, é uma organização criminosa e terrorista com elementos de seita.

    Até quando irão permitir essa aberração?!?

  • Não somos anjinhos. So’ no fundo PeTros o rombo são de fantásticos R$ 30.000.000.000(bilhões). Só o golpe da ITAUSA, zna PeTros foram R$ 1.000.000.000(bilhão). O “acordo” do Palloci é ACOBERTAMENTO. Isto não é acordo,é acerto quadrilheiro.

Colunistas

Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...