fbpx

Senador preso por corrupção vai passar férias em resort no Caribe

 


O senador Acir Gurgacz (PDT-RO), está autorizado pela Justiça do Distrito Federal a passar férias em um resort na ilha de Aruba, no Caribe.

Gurgacz exerce o mandato enquanto cumpre pena em regime aberto e vai passar o período de recesso parlamentar, de 17 de julho a 3 de agosto, fora do país.

Para a  juíza Leila Cury, da Vara de Execuções Penais, que autorizou a viagem internacional de Acir Gurgacz, não há faltas graves pendentes de apuração relacionadas ao pedetista.

Em fevereiro de 2018, o senador foi condenado pelo STF  a quatro anos e seis meses de prisão, em regime semiaberto. A condenação foi baseada na denúncia de que ele obteve, por meio de fraude, financiamento do Banco da Amazônia (Basa) para renovar a frota de ônibus de uma empresa de transporte pertencente à sua família.

Segundo o Ministério Público Federal (MPF), o senador pediu financiamento de R$ 1,5 milhão ao Basa, em 2002, quando era diretor da empresa de ônibus. Durante a operação teria acontecido uso irregular da verba destinada à compra de combustível, além de fraude na contratação do empréstimo. O senador se diz inocente.

Sobre o Colunista

Bruna de Pieri

Bruna de Pieri

Jornalista e católica.

6 Comentários

Clique aqui para comentar

  • Como assim? O cidadão está cumprindo pena, roubou a nação e vai passar “férias” no Caribe? Com autorização da JUSTIÇA? Não há falta grave? De quem, da juíza ou do corrupto? Ou eu sou muito inocente ou isso é uma afronta, só pode.

  • Esse é o modo da Justiça debochar da população e demonstrar que todos são iguais perante as leis, porém, alguns, são mais iguais. É a famosa aplicação da doutrina dos dois pesos e duas medidas. Se o réu for um rico empresário capitalista e político, aplica-se a justiça, se for um trabalhador e político, aplica-se a lei (do inimigo).

  • Este vagabundo é do meu estado. não vejo a imprensa aqui noticiando isto, muitos nem sabem que ele foi preso, outros nem sabem quem ele é.

  • Isso é um murro na cara do cidadão que trabalha e paga uma legião de impostos, não é atoa que o povo esbraveja a seguinte frase”No Brasil o poste mija no cachorro”.

Colunistas

Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...