Notícias

Um estranho afastamento

Juiz auxiliar e braço direito de Teori na Lava-Jato pede desligamento do STF

A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Cármen Lúcia, aceitou nesta quarta-feira o pedido de desligamento do juiz Márcio Schiefler Fontes, auxiliar do ministro Teori Zavascki, que era relator da Operação Lava Jato e morreu em acidente aéreo no último dia 19.

Márcio Schiefler Fontes pediu para deixar suas funções depois que os juízes auxiliares do gabinete de Teori concluíram, na última sexta-feira (27), as audiências em que ouviram os 77 executivos e ex-executivos da empreiteira Odebrecht que fizeram acordo de delação premiada. Na última segunda (30), a ministra Cármen Lúcia homologou as delações.

Fontes vai retornar para Santa Catarina. A saída do juiz auxiliar é uma baixa para a Lava Jato no STF. Ele é considerado o “arquivo” da operação no gabinete do ministro Teori Zavascki porque acompanhou todo o caso ao lado do ministro desde 2014.

http://g1.globo.com/politica/operacao-lava-jato/noticia/braco-direito-de-teori-na-lava-jato-juiz-auxiliar-pede-desligamento-do-stf.ghtml

Ver mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Close