Sobre vaga no STF, Rosângela Moro diz ser melhor que o marido cumpra seu trabalho como ministro



Em entrevista ao Estadão, Rosângela Moro, advogada e esposa do ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, opinou que é melhor que o marido cumpra seu trabalho como ministro.

Cotado para vaga no Supremo Tribunal Federal (STF) que será aberta em novembro com a aposentadoria do ministro Celso de Mello, Rosângela opina que as pessoas estão felizes com o trabalho que vem sendo desenvolvido por Moro até agora e que os crimes estão diminuindo. “O presidente vai decidir na hora certa o que pretende para o país”, comentou.

Questionada ainda se definia-se como “bolsonarista” ou “morista”, a advogada afirmou ser “pró-governo federal”.  “Sou pró-governo federal. Eu não vejo o Bolsonaro, o Sérgio Moro. Eu vejo o Sérgio Moro no governo do presidente Jair Bolsonaro, eu vejo uma coisa só”.

Rosângela Moro também se posicionou contra o aborto. “Sou absolutamente a favor da vida. Sou contra o aborto. Agora, eu acho que você penalizar, criminalizar, talvez não seja a saída, porque as mulheres pobres, que se submetem a condições desumanas, acabam sendo criminalizadas”.

(Com informações Estadão)

Colunistas

Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...