BrasilNotícias

STF nega habeas corpus de Palocci

A maioria dos ministros do STF, por 7 votos a 4, decidiu ontem (12) negar habeas corpus pedido pela defesa de Antonio Palocci, preso desde setembro de 2016 na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba. No ano passado, Palocci foi condenado pelo juiz Sérgio Moro a 12 anos, dois meses e 20 dias de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro em um dos processos pelos quais responde na Lava Jato. O relator Edson Fachin entendeu que há risco para a ordem pública em caso de liberdade do ex-ministro. Segundo Fachin, o ex-ministro tem influência e parte dos recursos desviados ainda não foi recuperada. “Esse cenário revela periculosidade concreta do agente, circunstância que evidencia fundado receio de práticas de futuras infrações”. O voto de Fachin foi seguido por Alexandre de Moraes, Luís Roberto Barroso, Luiz Fux, Rosa Weber, Celso de Mello e Carmen Lúcia.

Tags
Ver mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close