Toffoli não acredita que 1964 foi um golpe, mas um ‘movimento’

stf toffoli


O presidente do STF, Dias Toffoli, não considera a tomada do poder pelos militares em 1964 como golpe, mas um “movimento”.

A declaração foi feita pelo ministro do Supremo em evento sobre a Constituição de 1988 nesta segunda-feira (01).

O evento “30 Anos da Constituição Federal de 1988” foi organizado pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP). O tema da palestra de Toffoli foi sobre a “representação política e as suas vicissitudes”.

Segundo informações do JOTA, para Dias Toffoli, os militares serviram como uma ferramenta de intervenção que, em vez de funcionar como moderadores, optaram por ficar no poder. Com isso, os militares se desgastaram com ambos os lados, direita e esquerda, que criticaram o governo militar.

O presidente do STF afirmou:

Por isso, não me refiro nem a golpe nem a revolução de 64. Me refiro a movimento de 1964.

Fonte: Tarciso Morais – Renova Mídia

Sobre o Colunista

Ricardo Roveran

Ricardo Roveran

Estudante de artes, filosofia e ciências. Jornalista, crítico de arte e escritor. Escrevo por amor e nas horas vagas salvo o mundo.

Twitter: @RicardoRoveran

1 Comentário

Clique aqui para comentar

Blog Authors

Guilherme Galvão VillaniGuilherme Galvão Villani

Mariliense. Gosto pela Administração, Contabilidade e Finanças. Atu...

Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...