Trump: ‘Perdemos milhares de pessoas por ano devido à gripe e não desligamos o país’



Presidente dos Estados Unidos quer país aberto até a páscoa

O presidente Donald Trump observou que 36.000 pessoas morrem de gripe a cada ano nos Estados Unidos e nem por isso o país é fechado.

“Nunca fechamos o país por causa da gripe”, disse o presidente durante uma entrevista na Fox News nesta terça-feira.

“Então você diz para si mesmo: ‘O que é isso tudo?'”, questionou, referindo-se as medidas adotadas para combater o vírus chinês.

Trump argumentou que não quer “desligar o país” e ver uma contínua queda econômica da pandemia. Ele também disse que teme que os EUA vejam “milhares de suicídios” se o coronavírus devastar a economia.

“Perdemos milhares e milhares de pessoas por ano devido à gripe. Não desligamos o país”, disse Trump durante a entrevista.

Trump acrescentou: “Perdemos muito mais pessoas que isso em acidentes de automóvel. Nós não ligamos para as montadoras e dizemos para parar de fabricar carros. Temos que voltar ao trabalho”.

O presidente norte-americano falou do desejo de reiniciar a atividade econômica dos EUA até a Páscoa.

“Eu adoraria ter o país aberto e ansioso pela páscoa”. Faltam apenas 19 dias para o feriado de páscoa.

Leia a trhead publicada no Twitter do Terça Livre:

Colunistas

Juliana GurgelJuliana Gurgel

Católica, produtora, doutora em artes da cena, professora e aikidoista.

Paulo FernandoPaulo Fernando

Advogado, professor de Direito Constitucional e Eleitoral para concu...

Polibio BragaPolibio Braga

Políbio Braga é um jornalista e escritor brasileiro. Nascido em S...